Por favor aguarde...
Autenticado-o automaticamente no Terrachat com as suas credenciais do Facebook
Follow us on Twitter
Bem-vindo, Visitante

Divórcios
(1 a ver) (1) Visitante

  • Página:
  • 1

Divórcios

Partilhar no Facebook
Comentar no Facebook

Divórcios 23 Mar 2011 17:49 #1523

  • Energia
O prometo honrar-te, respeitar-te, na saúde e na doença, todos os dias da nossa vida até que a morte nos separe, faz parte do passado (muitos dizem que os casamentos dos avós eram feitos para durar, mesmo que houvesse problemas. O durar está apenas na acção...antigamente existia a Palavra-de-Honra. Hoje já não existe...
Palavra de honra? isso pertence ao passado).

A palavra "Prometo" foi tão vulgarizada, que prometer em frente dos amigos e familiares mais chegados, é o mesmo que não o fazer.

Se casam e descasam com tanta facilidade, é porque o texto dito nos olhos do apaixonado/a, foi dito porque era um texto (e fica bem ler umas coisas simpáticas, seja na igreja seja onde for).

Por isso quando lhe prometerem algo, verifique se será uma promessa, ou apenas uma confirmação.

A "confirmação" obriga a duas coisas, ou sim ou não...e está confirmado ou não.

A palavra Prometo,obriga a uma acção; exige Honra; Consciência do que promete.

Porque quem promete e não cumpre, é o mesmo que dizer sim, quando queria dizer não.

Os casos que se seguem, são notícia no mundo desportivo, mas servem igualmente de exemplo, para muitos outros casais que também prometeram honrar e respeitar todos os dias da vida deles até que a morte ou separasse. Não foi a morte que os separou, mas a falta de consciência do que prometeram no tal dia, em que felizes, anunciaram ao mundo, que iam-se casar.
"Foram 12 anos de vida em comum que, de repente, terminam. Mas o final não precisa necessariamente de ser infeliz. Filipa, de 33 anos, e Simão Sabrosa, de 31, deram entrada, em Fevereiro, dos papéis para o divórcio, mas é intenção do ainda casal manter o processo o mais pacífico possível.

Ainda assim, há que salientar que se trata de um divórcio que envolve milhões de euros, ou não fosse Simão um dos jogadores portugueses mais bem pagos, tendo construído, ao lado de Filipa, um património milionário.

(...)O casal tem, neste momento, uma moradia inserida na Quinta Patiño, Alcabideche, que, nesta altura, "está praticamente vendida", bem como um andar no luxuoso Estoril Sol Residence. Além disso, Simão Sabrosa, nos tempos em que jogou no Atlético de Madrid, comprou uma casa, em La Finca, o condomínio exclusivo onde vive Cristiano Ronaldo, José Mourinho, além de outras grandes estrelas do futebol.(...)

(...)A preocupação do casal, neste momento, é a estabilidade de Mariana, nove anos, e Martim, sete. "Apesar do que estão a passar, eles querem preservar o que de bom viveram nos últimos 12 anos", diz um amigo.(...)

Também nesta questão dos filhos, Simão e Filipa estão de acordo. A custódia das crianças nem sequer está a ser discutida. "As coisas vão manter-se como sempre. A Filipa vive com os meninos e o Simão estará com eles sempre que quiser. Nada vai ser diferente do que é agora", adianta o amigo do craque.(...)

(...)Mal os advogados de ambos cheguem a um entendimento, o divórcio deverá acontecer de uma forma rápida, "sem dramas nem guerras", como é intenção do ainda casal. "Eles são pessoas civilizadas e querem manter o respeito e o carinho. Não é fácil esquecer, de um momento para o outro, uma relação de 12 anos que deu frutos. Por isso, estão a lidar muito bem com o divórcio", reforça a mesma fonte.

Nos últimos dois anos, Simão Sabrosa teve de lidar com tragédias que se abateram sobre a sua família. Em 2009, ainda juntos, Filipa esteve ao lado do marido quando o sobrinho do jogador, Diogo, desapareceu no mar. Mais recentemente, a empresária não quis deixar de ser o apoio de Simão quando, no mês passado, este perdeu o pai. No funeral, os dois já estavam separados.

Mais de três anos a vestir a camisola do Atlético de Madrid, Simão Sabrosa resolveu deixar Espanha para encarar um novo desafio na sua carreira. O jogador foi contratado, por duas temporadas e meia, pelo Besiktas, Turquia. No total, irá arrecadar à volta de 7,2 milhões de euros. Até ao final desta temporada, Simão receberá cerca de 2,2 milhões"

Outro caso é o do jogador Rui Costa e os seus 17 anos de casamento.

"O mesmo não parece estar a acontecer com Rui e Rute Costa. O anúncio da separação do casal, junto há cerca de 17 anos, aconteceu em Novembro do ano passado, 2010. Na mesma altura, a mulher do director desportivo do Benfica deixou o apartamento do casal, em Alfragide, alugando uma casa na Damaia. Com o pai ficaram Filipe, de 15 anos, e Hugo, de dez. Três meses depois, Rui e Rute Costa ainda não conseguiram tirar a aliança de casamento, mas fonte próxima garante que uma reconciliação parece "estar completamente posta de parte".

Ainda assim, esta situação não deverá prolongar-se por muito tempo e, efectivando-se o divórcio, estão em jogo cerca de 50 milhões de euros, valor acumulado pelo antigo jogador ao longo dos seus 18 anos de carreira. A empresária e mãe dos seus filhos terá direito a metade da fortuna de Rui Costa, investida, na sua grande parte, em imóveis.

"Ainda não pensámos no divórcio, porque é tudo muito recente. É a primeira vez que estamos a viver uma situação destas. É muito complicado. Estamos a ponderar tudo com calma, porque vivemos 20 anos juntos, apesar de estarmos casados há 17", revelou a empresária em Dezembro do ano passado. Até agora, a situação não se alterou e resta saber por quanto tempo se arrastará."

"Caso inédito no futebol português foi a separação de Nuno Gomes. O jogador e a sua ex-mulher, Isméria de Jesus, entraram rapidamente em acordo, quer na questão da partilha de bens, quer na custódia da filha, Laura, de dez anos. O divórcio aconteceu no Verão de 2003, e pode dizer-se que foi atípico. A relação de Nuno Gomes e Isméria começou ainda na adolescência. Agora, o jogador voltou a casar e tem um menino, Nuno, de sete meses."

"Depois de anos a fio em tribunal, em Maio de 2008 Carla Baía e João Pinto chegaram, finalmente, a um acordo, deixando de ser marido e mulher.

A principal razão da discórdia era a divisão de bens, mas, no final, a relações-públicas parece ter levado a melhor. Com o divórcio, Carla recebeu do ex-marido 5,1 milhões de euros, entre imóveis e dinheiro."

"Em 2008, e após três anos de casamento, Deco, de 32 anos, e Jaciara, de 33, decidiram seguir caminhos diferentes. A decisão do divórcio foi de "mútuo acordo", como fez saber o jogador brasileiro. Segundo ficou assente na altura, Jaciara - a viver em Barcelona, Espanha - recebeu a casa onde está com os dois filhos, e uma pensão de dez mil euros por mês. Já para não falar das despesas inerentes à educação de Yasmin, de oito anos, e de David Luiz, de três. Mas até chegarem a acordo, Deco e Jaciara não se entendiam." *Fonte: Adaptado de texto vidas.pt
Última Edição: 13 Abr 2011 06:41 Por . Comentar no Facebook

Re:

  • Terraflirt
  • ONLINE
  • Robot
  • Mensagens: 1000
  • Karma: 94567

 

 


  
 
 

 

Pinto da Costa e Filomena em tribunal 20 Abr 2011 22:25 #1833

  • Energia
Ups...

Já está marcada para Junho, no Tribunal de Família e Menores do Porto, o frente-a-frente entre Filomena e Jorge Nuno Pinto da Costa, que ditará, ou não, o fim do casamento.
"Jorge Nuno Pinto da Costa, de 73 anos, já entrou com uma acção para se divorciar de Filomena, mãe da sua filha Joana.

Num prazo máximo de seis meses, o líder do FC Porto já estará livre para poder voltar a casar, desta vez com Fernanda Miranda, de 24 anos. Com a separação definitiva, a mulher, que actualmente vive em Moçambique, não terá direito a nada.

O CM sabe que para dar início ao processo de divórcio o presidente dos dragões alegou que nunca chegou a haver vivência em comum nem morada fixa. E mais: Jorge Nuno teve também em conta o Código Civil, nomeadamente os artigos nº 1720 e 1781, que abordam os temas do regime imperativo da separação de bens e da ruptura da vida em comum.

Segundo o Código, é claro que Pinto da Costa, ao partilhar a mesma casa com a jovem brasileira, não pretende reatar a relação. Já o artigo 1720 é peremptório: consideram-se contraídos sob o regime da separação de bens os casamentos celebrados após os 60 anos do nubente. Em 2007, quando casou, o dirigente tinha 70. Nenhum acordo pré-nupcial é válido.

PRESIDENTE E FERNANDA VIVEM JUNTOS


Desde que assumiram a relação, em Março do ano passado, Pinto da Costa e Fernanda Miranda decidiram ir viver juntos. Actualmente partilham um apartamento próximo da praça Velásquez, na zona das Antas, no Porto.
Com o divórcio, o presidente do FC Porto fica também com a luxuosa moradia localizada na avenida da Boavista, uma das mais ricas da cidade do Porto, e a qual tinha oferecido a Filomena, aquando do segundo casamento, em 2007. Este poderá muito bem ser o novo presente do dirigente a Fernanda." *Fonte
Nelson Rodrigues / Tânia Laranjo vidas.pt

Comentar no Facebook

  • Página:
  • 1
Tempo para criar página: 0.20 segundos