Por favor aguarde...
Autenticado-o automaticamente no Terrachat com as suas credenciais do Facebook
Follow us on Twitter
Bem-vindo, Visitante

Identificados mais 30 variantes genéticas relacionadas à inflamação intestinal.
(1 a ver) (1) Visitante

  • Página:
  • 1

Identificados mais 30 variantes genéticas relacionadas à inflamação intestinal.

Partilhar no Facebook
Comentar no Facebook

Identificados mais 30 variantes genéticas relacionadas à inflamação intestinal. 30 Nov 2010 04:10 #256

  • GuArDiAo
Os resultados oferecem informações sobre os mecanismos causais da doença e possibilita o desenvolvimento de novas drogas.

Uma equipe internacional de cientistas, incluindo pesquisadores do Instituto Karolinska, na Suécia, encontrou 30 novas variantes de genes associados com o risco de doença de Crohn. Os resultados do estudo oferecem informações sobre os mecanismos causais da doença e possibilita o desenvolvimento de novas drogas para impedir a inflamação do intestino.

"Este pode ser o maior estudo genético das doenças inflamatórias intestinais (DII), que incluem a doença de Crohn," diz o doutor Mauro D'Amato, professor adjunto do Departamento de Biociências e Nutrição do Instituto e chefe da equipe sueca no estudo. "Com base nos novos resultados, agora, podemos explicar 23% da predisposição genética para a doença de Crohn".

O estudo, publicado na revista científica Nature Genetics, é baseado em uma pesquisa genética com mais de 22 mil pacientes com doença de Crohn e 29 mil de grupos controle da Europa, América do Norte, Nova Zelândia e Austrália. Estima-se que mais de 25 mil pessoas Suécia sejam portadoras da doença de Crohn e mais de 500 novos casos são diagnosticados a cada ano.

A Doença de Crohn é uma inflamação crônica do intestino, intermitente e geralmente se manifesta com sintomas como diarréia e dor abdominal. Além disso, febre, sangramento retal, perda de peso, fadiga, dores nas articulações e problemas de pele podem ser parte do quadro clínico. A doença de Crohn é tratada com medicamentos anti-inflamatórios e /ou cirurgia.

Estudos anteriores demonstraram que a doença de Crohn é causada pela interação de fatores genéticos e ambientais e pessoas com familiares afetados estão em maior risco de desenvolver a doença. No presente estudo, os investigadores identificaram um total de 71 genes associados com a doença de Crohn. De acordo com os resultados anteriores, a maioria desses genes está envolvida no controle das interações entre a flora bacteriana intestinal e células imunológicas locais na mucosa e na ativação do que é conhecido como a resposta imune adaptativa.

"As descobertas mais excitantes podem vir agora a partir da identificação do papel biológico dos genes sobre os quais sabemos muito pouco ou nada", diz doutor D'Amato.

Os pesquisadores esperam que estudos futuros de grande escala forneçam pistas sobre por que as doenças inflamatórias intestinais ocorrem. Isso irá facilitar o diagnóstico e permitir aos médicos uma melhor concepção de estratégias terapêuticas.
Comentar no Facebook

Re:

  • Terraflirt
  • ONLINE
  • Robot
  • Mensagens: 1000
  • Karma: 94567

 

 


  
 
 

 


  • Página:
  • 1
Tempo para criar página: 0.18 segundos