Por favor aguarde...
Autenticado-o automaticamente no Terrachat com as suas credenciais do Facebook
Follow us on Twitter
Bem-vindo, Visitante

Sem palavras mas nao podia de deixar de postar isto!!!!!!
(1 a ver) (1) Visitante

  • Página:
  • 1

Sem palavras mas nao podia de deixar de postar isto!!!!!!

Partilhar no Facebook
Comentar no Facebook

Sem palavras mas nao podia de deixar de postar isto!!!!!! 04 Maio 2013 21:48 #6140

  • libelinha
  • OFFLINE
  • Nivel 1
  • Mensagens: 7
  • Karma: 0
www.rederegional.com/index.php/entertain...s-na-gnr-e-apav.html




Paulo Martins, o homem que assassinou a esposa em frente à filha de três anos e se enforcou de seguida, estava convocado para se dirigir à GNR de Marinhais na sexta-feira, 3 de Maio, a fim de prestar declarações por denuncias de maus tratos.

Para a família da mulher, Ana Cristina, esta será uma das razões que pode explicar o que terá levado o homem a cometer "esta barbaridade sem explicação nenhuma", segundo Emília Oliveira, uma das irmãs da vítima mortal.

Um dia antes, pelas 7 horas da manhã, o homem agrediu a esposa com golpes de martelo na cabeça e arrastou o seu corpo ensanguentado para a banheira da casa de banho da vivenda do casal, em Marinhais, concelho de Salvaterra de Magos.

A filha, que completou 3 anos em Janeiro, foi trancada num quarto após assistir ao crime.

De seguida, o homem dirigiu-se à garagem e enforcou-se, tendo sido encontrado por volta das 12 horas, após Emília Oliveira ter chamado a GNR ao local.

Revolta contra a inação das autoridades

Emília Oliveira disse à Rede Regional que Paulo andava a pressionar Cristina para retirar as queixas, socorrendo-se inclusivamente da filha menor.

"Na noite antes de morrer, a minha irmão mandou-me mensagens a dizer que a menina lhe tinha ido pedir para perdoar o pai, a seu mando. Como ela não o ia fazer, ele disse à menina que a mãe não tinha coração", relata Emília Oliveira.

Perante a tragédia, a família diz-se "revoltada" com o facto de nem a GNR nem a APAV terem atuado a tempo de evitar a sua morte.

"A minha irmã apresentou várias queixas, a primeira delas em Janeiro, e desde então ninguém fez nada", lamenta Emília Oliveira.

"Ele nunca lhe tinha levantado a mão, mas ameaçou-a de morte muitas vezes e andava sempre a maltratá-la", acrescentou.

Paulo Martins, de 42 anos, operador de empilhador nas Construções Quitério, em Marinhais, e Ana Cristina, de 39 anos, desempregada desde o nascimento da filha, casaram em 2006, um matrimónio que nunca foi um "mar de rosas", segundo os familiares mais próximos.

Segundo os mesmos, Paulo era um homem reservado mas de temperamento difícil e muito possessivo.

O facto de poder vir a perder a vivenda do casal no processo de partilhas era um dos motivos pelos quais Paulo recusava dar o divórcio à mulher, mas nunca nada, segundo os familiares, deixava antever este desfecho.

Tios maternos vão pedir custódia legal da menor

Paulo e Ana Cristina casaram em 2006. Mulher queria o divórcio, que Paulo se recusava a conceder.
No dia do crime, e após ter sido retirada do quarto pelos militares da GNR, a filha do casal correu para os braços da tia Emília e disse-lhe de imediato que o pai tinha morto a mãe.

O bem-estar da criança é agora a principal preocupação de toda a família, tanto que Emília Oliveira e o marido já decidiram que vão pedir a sua custódia legal.

"Isso será o tribunal a decidir, mas ela tem que estar aqui ao pé de nós, onde se sente bem e conhece toda a gente", afirma a tia.

A menor recebeu assistência psicológica e passou a noite no Hospital de Santarém em observação, acompanhada por familiares, e regressou a Marinhais na sexta-feira, tendo regressado ao colégio e à sua rotina normal.

As cerimónias fúnebres de Ana Cristina Ribeiro ainda não têm data marcada.

A família foi apenas informada que serão na segunda ou terça-feira.
Última Edição: 04 Maio 2013 21:58 Por libelinha. Comentar no Facebook
Os seguintes utilizadores agradeceram: Frodo

Re:

  • Terraflirt
  • ONLINE
  • Robot
  • Mensagens: 1000
  • Karma: 94567

 

 


  
 
 

 

Re: Sem palavras mas nao podia de deixar de postar isto!!!!!! 05 Maio 2013 19:40 #6145

  • Post.It
  • OFFLINE
  • Nivel 1
  • Mensagens: 5
  • Karma: 0
É ténue a linha que separa a mente da loucura,pobre criança.....Não deveria haver tanta demora na intervenção dessas sinalizações, culpa de ninguém com a conivência de todos!Oxalá o sistema se venha a redimir e entregue a criança a seus tios, sejam estes capazes de lhe dar o que no mundo a ninguém devia se negado: uma família, com tudo o que isso implica! sentimentos de protecção e segurança, amor e aceitação,exigência e tolerância floresçam e acabem por fazer murchar as ervas daninhas que esse malfadado crime semeou no coração dessa pequenina!!! Possa essa tia de hoje a um ano, ver essa menina a sorrir e senti-la sua para sempre.

Um bem haja a quem postou e muita luz em sua vida ************
Comentar no Facebook
Os seguintes utilizadores agradeceram: libelinha, Frodo

Re: Sem palavras mas nao podia de deixar de postar isto!!!!!! 05 Maio 2013 20:42 #6149

  • libelinha
  • OFFLINE
  • Nivel 1
  • Mensagens: 7
  • Karma: 0
Obrigado pelo teu comentario! Posso te dizer que tive a pouco a falar com a tia da menina e tudo ta a ser feito da melhor maneira para eles ficarem com a menina.É triste eu conhecer o casal sao filhos da mesma vila que eu, conhecendo o pai da menina como conhecia nunca me passou pela minha cabeça nem de ninguem da vila que ele um dia fize se uma coisa destas, (mas por vezes temos dentro das nossas 4 paredes a pessoa mais perigosa sem sabermos que o perigo da rua)!!!!!!!
Comentar no Facebook

Re: Sem palavras mas nao podia de deixar de postar isto!!!!!! 08 Jul 2014 19:55 #8083

  • Post.It
  • OFFLINE
  • Nivel 1
  • Mensagens: 5
  • Karma: 0
... e já passou mais de um ano! Desculpa voltar ao assunto, mas sabes noticias sobre a dita menina?? *
Comentar no Facebook

Re:

  • Terraflirt
  • ONLINE
  • Robot
  • Mensagens: 1000
  • Karma: 94567
Utilizadores Recentes:

elle 30 ans Peniche
elle 19 ans Setúbal
elle 33 ans Damaia
elle 35 ans Lisboa
elle 26 ans Seixal
elle 23 ans Amadora
elle 24 ans Leiria
elle 33 ans Lisboa
 

 


  • Página:
  • 1
Tempo para criar página: 0.20 segundos